Machado Meyer é um escritório de advocacia que busca sempre soluções inovadoras, através de um capital humano que a qualifica para atender grandes empresas brasileiras e grupos multinacionais. O escritório ganhou, só no ano de 2017, o prêmio IFLR Americas Awards como o Escritório de Advocacia do Ano no Brasil na área de Bancário e Financeiro e foi premiado na categoria “Merger control matter of the year” pelo GCR Awards por atuar na venda da unidade de genéricos da Allergan para a israelense Teva.

A Machado Meyer é patrocinadora do PPP Awards & Conference que acontecerá no dia 21 de Novembro no Centro de Convenções Frei Caneca (SP). O sócio José Virgílio irá participar como palestrante no Painel Jurídico, que tem o objetivo de discutir o que pensam algumas das principais bancas de advogados do país sobre os desafios regulatórios, a não-performance das concessionárias, o comprimento das obrigações de fazer e pagar do Poder Concedente, os contratos que correm risco de extinção antecipada, os reequilíbrios contratuais, dentre outros assuntos relacionados.

De acordo com José Virgílio, o evento PPP Awards & Conference 2017 “será uma excelente oportunidade para debater e trocar experiências sobre o atual estágio de nossas PPPs, rever os profissionais e colegas que contribuem à disseminação das melhores práticas e celebrar os projetos e avanços mais recentes”. Ele ainda aponta que “em um país tão carente de investimentos em infraestrutura e atravessando um necessário processo de superação de práticas administrativas ultrapassadas e pouco eficientes, é muito oportuno um evento que promova e celebre as melhores práticas e inovação no campo das contratações públicas e PPPs”.

José Virgílio ressalta que “o caminho para a maior participação privada é justamente o das autorizações e concessões, nas suas diversas modalidades”: “Não tenho dúvida que, superada a crise, as PPPs ganharão mais e mais espaço, pois têm uma grande contribuição a prestar ao desenvolvimento do país, haja vista os ganhos de eficiência, planejamento, qualidade e gestão proporcionados por esse modelo quando comparado aos métodos tradicionais de contratação administrativa”.